Dia da Consciência Negra na Escola Joaquim Galvão

Na Mostra da Cultura Afrodescendente, em referência ao Dia da Consciência Negra, muitos elementos foram abordados na Escola M. Joaquim Galvão, em Quilombo do Gaia. Um rap sobre preconceito, foi apresentado pela professora Cristina Galvão, cuja letra é de sua própria autoria. Em seguida, a professora Cristina também fez um reconto da história “A Bonequinha Preta”. Poesias foram recitadas, inclusive um jovem da comunidade, Valdery Tiodoro, autor de poemas, recitou  uma poesia em referência à história dos primeiros negros que habitaram a localidade. Alunos declamaram poemas sobre o racismo. Houve exposição de trabalhos confeccionados pelos alunos, mostra de culinária típica, apresentação da historinha “Menina bonita do laço de fita” e a escola foi toda decorada em alusão ao tema. O evento, coordenado pela educadora Elizabete Silveira, teve a participação de todos os profissionais da escola, dos pais e alunos.




TAG's: Consciência, Negra, Escola, Joaquim, Galvão

Inicial | Voltar
Link permanente: